F1 e MotoGP no Circuito de Barcelona até 2026

28 novembro 2021 16:04:24 EET

O circuito de Barcelona vai continuar a fazer parte dos campeonatos do Mundo de Fórmula 1 e de MotoGP até 2026.

O diretor executivo da F1, Stefano Domenicali, confirmou que o acordo prevê “que sejam feitas melhorias no circuito e nas instalações envolventes” antes de Maio de 2022, quando decorrer o Grande Prémio de Espanha.

“As equipas e pilotos esperam sempre correr no circuito e visitar Barcelona, e os adeptos espanhóis vão continuar a ver os seus heróis nacionais, Fernando Alonso e Carlos Sainz, de perto”, acrescentou.

Este acordo surge numa altura em que o campeonato de fórmula 1 está ao rubro, com Lewis Hamilton a apenas oito pontos de Max Verstappen, quando faltam apenas duas provas para o final.

O piloto inglês tem 1.80 odds de renovar o título, enquanto Verstappen tem 2.00 odds de se sagrar vencedor pela primeira vez.

Quanto ao MotoGP, este novo acordo garante ao Grande Prémio da Catalunha um lugar no calendário de 2022, e no mínimo mais duas corridas entre 2023 e 2026, alternando com outros circuitos da Península Ibérica, especificou a Dorna, empresa organizadora do Mundial.

“A espectacular pista catalã tem estado ligada ao MotoGP desde o início da Dorna e tem sido habitual no calendário em todas as épocas”, referiu Carmelo Ezpeleta, CEO da Dorna.

Por sua vez, Roger Torrent, presidente do circuito, elogiou o acordo alcançado com as duas entidades, considerando a infraestrutura “uma peça estratégica para o desenvolvimento económico e social da Catalunha”.

Inaugurado em 1991, o circuito tem capacidade para 131 mil espectadores e é uma das pistas mais usadas em testes de pré-temporada.

Apostas em Fórmula 1